[recent]

24 de maio de 2017

Viver de verdade!




Sou uma mãe zelosa e cuidadosa. Procuro sempre fazer atividades e programas que incluam meu filho. Mas serei sincera, não tenho pretensão de fazer disso uma regra. Não quero ser a mãe obcecada por passeios turísticos e culturais infantis que marcam na agenda do fim de semana programas Rio de Janeiro afora para postar o registro na rede social. Não mesmo. É cansativo não só para a mãe, mas principalmente para a criança. Fora que custa caríssimo e não é para qualquer um, pelo menos pra mim não "rola"! Onde fica o tempo com a família? Com os amigos? Essa obsessão por introduzir precocemente a criança na cultura, no turismo, na vida social está deixando todo mundo doente. Ninguém realmente curte, ninguém realmente aproveita.
Não tô dizendo que não é pra fazer nada e ficar em casa todo o fim de semana um olhando para cara do outro, e sim para ser algo natural. Já repararem que tudo ao contrário do natural não é bom? Não faz bem!
Sejamos naturais! Vamos marcar sim um programinha diferente num sábado ou domingo, mas não precisa ser 3 eventos no sábado e 2 no domingo. No fim das contas não é bom para ninguém! Ah, sim, mas é bom para o feed do Instagram, né? Ou para posts no blog.
Apoio às mães e tenho certeza que sou solidária até com as mais diferentes de mim, mas a gente não precisa concordar com tudo, né? 
Como a criança vai saber olhar pra o mundo sem saber olhar para a família?

Fica a reflexão!
Nenhum comentário
Compartilhe:
Thais Pinheiro
Thais Pinheiro

Thais Moura, 30 anos, carioca, bacharel em Direito e blogueira social media, mãe em tempo integral do Marcelinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário